Roteiro da Espanha

Depois de toda a correria do planejamento e do quase cancelamento por causa do Vulcão Puyehue (exagerada!), a viagem para Espanha ocorreu conforme planejado! Foi ótima, amei! Tudo deu muito certo, os dias estavam lindos em todas as cidades, não passei calor em lugar nenhum, visitei museus maravilhosos, entrei em igrejas fantásticas, peguei praia e voltei bronzeada. Em duas semanas intensas, regadas a sangria!

 

Ah, como foi viajar sozinha?

Tranquilo, exatamente como eu imaginava. Durante o dia, muito bom, acordava a hora que eu queria, tomava o café onde eu queria, ia para onde eu queria, passava rápido onde não me interessava, ia devagar onde me chamava a atenção, fiz minhas comprinhas na boa, etc. Acho que a parte chata é na hora dos restaurantes, mas resolvi isto sentando no balcão, geralmente é mais barato, dá para conversar com quem está atendendo e não tem aquela cadeira vazia sinistra na frente! Sair à noite também é chato, acabava só dando um rolé para ver o movimento. Sentar e beber sozinha é meio “aburrido”, em 15 minutos você toma duas sangrias e está bêbada: fim da noite. A Deise fez um post pensando em mim: Dicas para quem quer viajar sozinho! E a Mari lançou este outro (impronunciável) sobre o pânico de comer sozinho: Solomagarephobia: será que você tem?.

Roteiro da Espanha 13 noites (2 semanas)

 

Roteiro da Espanha
1 noite em Barajas
Esta foi a última noite na Espanha, fiz um vôo Barcelona-Madri no sábado à noite, reservei um hotel perto do aeroporto mesmo e no domingo pela manhã peguei o vôo Madri-Guarulhos. Fiquei no täCH by ClementHoteles que tem serviço de transfer hotel-aeroporto 24h, reservado pelo Booking. O hotel é muito bom e o quarto é novinho. Tem café da manhã incluído, porém eu saí antes da abertura, então não sei como é. A internet é paga, como fui só para dormir mesmo não foi um empecilho para a reserva. O transfer funcionou direitinho. Tinha ficado um pouco assustada, pois ao reservar só havia elogios ao serviço de transfer. Quando olhei um dia antes de ficar no hotel, o pessoal do TripAdvisor estava xingando muito, acho que o problema era a alta temporada chegando. Mas no sábado às 22h da noite foi tranquilo, apesar de que havia bastante gente e é apenas um micro-ônibus. O porta-malas foi cheio!!

 

 

O roteiro foi bem discutido neste post Roteiro pela Espanha – Indefinido. Tem várias dicas legais nos comentários, se você está pensando em ir para a Espanha e ainda não leu, recomendo a leitura. E a escolha pela Espanha começou desta forma: Definindo as férias com ajuda do Twitter.
Como fui
Fui de Air China, como pode ser comprovado com as fotos abaixo.
Como foi o vôo?
Já tinha lido os relatos da Mari, do Casal Marvila e do Gustavo, então sabia o que me esperava. Os vídeos do entretenimento pessoal eram em chinês ou em inglês com a legenda em chinês. O bom é que cada um controla o seu, diferente da Continental Airlines, por exemplo, em que os filmes começam todos no mesmo horário e você só pode mudar o canal, nada de pausar e/ou reiniciar. Todos os anúncios são feitos primeiro em chinês e depois em inglês. Nada de português, não é porque o vôo sai do Brasil que vai ter alguma coisa em português, ok? Acho que podia ter alguma lei para mudar isso, mas ia espantar várias aéreas, xapralá… Falei com vários brasileiros que estavam esperando ouvir português na aeronave. Acho que no vôo da ida comentaram que havia um dos comissários que falava português, caso fosse necessário.
Vôo da ida:
A aeromoça que estava me atendendo falava e entendia inglês, nos entendemos muito bem. O jantar foi macarrão, um yakisoba bem forte, cheio de shitake, que eu não curto muito, mas estava bom. Não lembro da outra opção, mas acho que era algo com arroz. As opções de café da manhã eram omelete e macarrão (no café da manhã???). Omelete, por favor… Mas todos chineses a minha volta escolheram o macarrão. Opções de bebida: café, chá, sucos e refrigerantes. Acho que a cerveja também estava incluída sem custo adicional. O travesseiro, a coberta e o fone estavam ensacados neste vôo.
Vôo da volta:
Começou com o café da manhã (vôo diurno), a aeromoça não falava inglês, me jogou um omelete. Para o cara do lado, ela perguntou o que queria e comentou várias coisas. Comigo só gritou: Omelete! Ok! Nem queria arroz mesmo… Para a bebida foi a mesma coisa, ela perguntou alguma coisa, eu não entendi, ela apontou para o carrinho e eu apontei para o suco de laranja. Entendidas. Na janta, pork or chicken. Arrisquei o porco e estava bom. Quando entramos no avião, todos os objetos já estavam fora dos saquinhos: travesseiro, cobertor e fone. Por ter lido os relatos anteriores, eu já estava preparada com a minha pashmina e os fones do ipod! Não gostei muito deles terem apagados todas as luzes, era um vôo noturno e eu queria aproveitar para mexer no note, mas fiquei constrangida de ficar com a tela brilhando na cara do meu colega de poltrona que estava tentando dormir… Vi alguns filmes, depois de muito esforço, pois a minha telinha não queria ficar acesa, tinha que acertar a inclinação correta para isso e eu descobri só na metade do vôo. Além do controle também estar com problema e eu ter selecionado sem querer a opção de chinês. Ou seja, nunca mais achei onde mudava o idioma. Mas consegui deduzir algumas coisas e colocar filmes e músicas!!
Resumindo, pela ótima tarifa (R$1300, ida e volta com taxas) achei tudo muito bom. Faria de novo sem problemas! Teve promoção em maio/junho de 2010 e 2011, será que vai ter em 2012?
Hora do embarque no Airbus da AirChina.
Tíckets aéreos e todas as reservas!
Como foi a chegada em Barajas (Madri)?
Bem tranquila. Quase não tinha fila, entreguei meu passaporte, ele começou a folhear e me perguntou:
Oficial da migração: Está de férias? (em português mesmo)
Eu: Sí.
Oficial da migração: Quanto tempo vai ficar?
Eu: Dos semanas
Oficial da migração: Tem reserva de hotel?
Eu: Sí – e estava abrindo a minha pastinha de reservas para pegar, quando…
Oficial da migração: Não precisa mostrar. – carimbou meu passaporte – Seja bem-vinda.
E eu voltei a respirar! Viva tinha entrado oficialmente na Espanha!!
PS: acho que ele parou de perguntar quando viu meu visto dos EUA, só um palpite.
Custos aproximados em euros:
Passagem Brasil-Europa i/v: 530
Passagens de Trem (deslocamentos e bate-volta): 260
Hospedagem: 660
Entradas nas atrações: 250
Transporte: 50
Alimentação: 300
Total: 2050 com euro a R$ 2,45 (média das cotações+taxas: saque, cartão de crédito e VTM) = R$ 5000,00
Como já fui contando todos as indecisões e dificuldades ao longo das reservas, recomendo a leitura dos outros posts do planejamento:

Se você gostou deste roteiro e quiser contribuir com o blog, faça as suas reservas clicando nestes banners:

Seguro viagem Mondial


Booking.com

Além disso você também pode comprar moeda estrangeira com o nosso mais novo parceiro:

Melhor Câmbio

7 comentários

  • Brigadinha Carol!!! estou adorando sim!!! eu tbém já fui pra Barcelona e desta vez vou para Madri e Toledo, estou anotando suas dicas!!! bjocas!!

  • Oi Lilica,
    Isso mesmo, chegando no aeroporto, ligue e avise em qual terminal você está e pergunte onde esperar. Eles me mandaram procurar "Bus hotel". No terminal 4 é um espaço bem grande, aguardei lá na frente onde passavam os ônibus que estava chegando, para poder identificar o micro-ônibus do hotel, porque eles param onde tem espaço. Demorou um pouco, eles tinham me avisado no telefonema que o micro tinha acabado de passar. Mas deu tudo certo, só tem que ficar ligada. Boa viagem!!
    Obrigada pelos elogios ao blog!

  • Carol, gostei muito do seu blog, e lendo descobri que ficarei no mesmo hotel em Barajas que vc. Fico feliz do transfer ter sido tranquilo vamos em 7 pessoas e espero que dê tudo certo. Para o transfer me falaram que é só ligar quando chegar no Aeroporto é isso mesmo???? obrigada…bjosss

  • Oi Gustavo,
    Eu acho que eles deveriam estudar um pouco os hábitos de onde tem conexão. Não parece ser o caso, mas não aconteceu nada grave. Ainda bem!!
    Bjo

  • Esses Chinas da Air China, precisam aprender só uma coisa educação nada mais nada menos, só Educação. Estudar um pouco dos hábitos ocidentais, não o viajantes, mas no mínimo a Tripulação.

    Legal, mas pelo jeito foi uma delícia de viagem.

    Beijão Carol!!!

  • Obrigada Deise! Acho que eu também estou observando e anotando mais durante as viagens. Tem gente que comenta como uma coisa ruim, viajar pensando no blog. Mas acho que eu aprimorei o meu olhar ao pensar em registrar melhor cada momento! Que bom que consegui passar isso para o post! 😉

  • Legal, Carol! Seus posts estão cada vez melhores e mais informativos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *