Ilhéus – BA

Ilhéus é uma cidadezinha no litoral da Bahia. Este post é mais um relato, pois nada nesta viagem foi programado. Tudo comecou com uma viagem a trabalho para Salvador numa quinta-feira à noite. Deveriamos visitar uma industria durante o dia na sexta-feira e eu precisava retornar à São Paulo na própria sexta, pois tinha um curso na FGV no sábado pela manhã. Todos os outros participantes da viagem insistiram para eu aproveitar um pouco e voltar no sábado. Ia ser muito cansativo, pois chegaríamos tarde na quinta, depois um dia inteiro numa indústria na sexta, eu ia chegar em casa mais de meia noite na sexta-feira. Mas eu tinha o tal curso e já não podia mais ter faltas.
Clique na imagem acima para abrir o Google Maps

Sexta-feira no final da tarde eu fui sozinha para o aeroporto e peguei meu vôo para Congonhas, o unico disponível era com escala em Ilhéus. Pousamos em Ilhéus e ficamos parados muito tempo, quando me dei conta tinha terminado de ler um livro que havia comprado no aeroporto de Salvador, por sorte eu havia encontrado uma coleção do Arquivo X e comprei uns 3 ou 4. Estávamos há duas horas parados quando veio a notícia. Greve dos controladores de vôo! Sim, eu estava numa escala na fatídica sexta-feira que deu início ao caos aéreo.
Fomos convidados a desembarcar, retirar as bagagens da esteira e entrar numa fila para remarcação de vôos. Como sempre, minha mala foi a última a aparecer. E eu preocupada com o curso…
Só não fui a ultima da fila de remarcação porque alguém tinha ido ao banheiro e ficou atrás de mim. Então as pessoas com as reservas realizadas começaram a passar e as fofocas rolando:
– Nada mais voa esta noite;
– Acabaram os vôos de sábado de Salvador (teve uma van de volta para Salvador na madrugada mesmo, pois lá tem mais opções de vôos para São Paulo no sábado);
– Acabaram os vôos para sábado de manhã
– Acabaram os hotéis do centro
– Acabaram os vôos para sábado de tarde
– Acabaram os hotéis executivos (ou algo assim até hoje não sei o que era verídico)
– Acabaram os vôos para sábado à noite
– Acabaram os vôos de domingo de manha e de tarde.
E assim foi, quando chegou minha vez só tinha vôo no domingo à noite e hotel na beira da praia! Fiquei tão triste… Assim começou meu fim de semana não programado em Ilhéus. 🙂 Obrigada Controladores de Vôo…
Como Chegamos
Num vôo da TAM, Salvador-Congonhas, com escala em Ilhéus.

Onde ficamos

No Opaba Praia Hotel do lado da cabeceira da pista do aeroporto. Tem pouco movimento no aeroporto então foi tranquilo.
Cabeceira da pista do aeroporto vista do meu quarto

 

Hotel visto da cabeceira da pista

 

Interior do Hotel

 

Interior do Hotel

O que fizemos

Como não programei nada fiquei por Ilhéus mesmo, passeio no centro no sábado e caminhadas na praia no domingo. Se tivesse acordado cedo no sábado, poderia ter pego um passeio até Itacaré, mas como fui uma das últimas a remarcar o vôo, cheguei no hotel pelas 2h da madrugada. E também nem teria roupas para um passeio em Itacaré!!

 

 

 

 

Hotel ao longe

 

O que comemos

Todas as refeições foram pagas pela TAM, podíamos pedir um prato e uma bebida por refeição. O único prato excluído do voucher era lagosta. O restaurante do hotel era realmente muito bom. Obrigada TAM…

Peixe à Belle Meunière

O que compramos

Como tinha levado roupa apenas para um dia, não tinha absolutamente nada para vestir no fim de semana. Encontrei uma moça na mesma situação durante o café da manhã de sábado e fomos passear no centro para comprar biquinis!! Lembro que o nome dela era Márcia, será que um dia ela vai ver este relato?
E lá fomos nós duas fazer comprinhas, o saldo foi: biquini, saida de praia, protetor solar, bolsa de praia e porta-moedas (estava precisando destes dois últimos e acabaram como lembranças de viagem!). Chinelo eu tinha levado para usar no hotel em Salvador.

Dicas

  • Aproveite cada oportunidade que aparece na sua vida! Eu comecei preocupada com o curso, quando vi que não ia ter como chegar em São Paulo no sábado pela manhã, relaxei e torci para ficar o máximo possível para aproveitar o fim de semana. A Márcia estava tão preocupada no início, acho que tinha brigado com o noivo ou algo do gênero e ficava reclamando. Mas depois foi bem divertido, conversamos muito, rimos bastante e fizemos companhia uma a outra. Pena que não fiquei com nenhum contato dela, sou meio desligada com estas coisas.

2 comentários

  • Caro Bauer,
    Como disse acima, o post é apenas um relato. Não planejei ir à cidade, assim não tive tempo de procurar o que fazer. Não gosto muito de escrever sobre o que não fiz, apesar de algumas vezes sugerir um passeio ou outro que já ouvi falar.
    Espero que outros posts sejam mais úteis para você no futuro. Obrigada pela visita e volte sempre!

  • Minha querida, fiquei decepcionado com o seu relato, planejo ir a Ilheus em jan/11 e esperava mais dicas sobre as belezes e pontos turisticos da cidade, mas de qualquer forma valeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *