Roteiro de 4 dias em Roma

Roma

Nem preciso dizer que Roma é tudo aquilo que a gente já espera. Um monumento ou uma igreja belíssima em cada quadra. Ou vários juntos como na região do Coliseu. Tudo perto e com ruas que são deliciosas para andar. Confesso que esperava algo mais caótico e bagunçado, então me surpreendi positivamente.

Como cheguei

De trem vindo de Milão. Fiz um post específico sobre Trem na Itália.

Onde fiquei

No Ares Rooms, não é bem um hotel. Não sei se classifica como pousada ou bed & breakfast também, pois não tem o café da manhã no lugar. Eles te dão um voucher para cada dia de hospedagem e você troca em uma doceria na esquina por um croissant (variados, mas apenas doces) e um café (expresso, americano ou cappuccino).

O wifi não funcionava bem no meu quarto e ao me verem sentada no hall de entrada, me falaram que iam arrumar. O pessoal que trabalha lá, tentou mexer e reiniciar os roteadores, me mostraram que funcionava no celular deles, na porta do meu quarto, mas era eu fechar a porta e sentar na cama que o sinal oscilava. Foi um técnico no dia seguinte, mas não ajudou em nada. Se ajuda dizer, meu quarto era o mais afastado.

O lugar é como um apartamento com uma porta principal de entrada no andar do edifício e vários quartos, alguns com banheiro privativo e outros não. A recepção não funciona 24h e eu tive que ligar avisando a hora que eu ia chegar. Como cheguei tarde, tive que pagar uma taxa extra de 10 euros. Isso está escrito no site e eu só vi depois de fazer a reserva. Você recebe um chaveiro com 3 chaves: do edifício, do “apartamento” e do seu quarto. Achei o quarto bom e espaçoso. O chuveiro era bem difícil de controlar a temperatura, escaldante ou frio, isso me incomoda um pouco.

Gostei muito da localização, 10 minutos a pé da Estação Termini, atrás da Basílica de Santa Maria Maggiori.
Roma 01

Roma 02

Roma 03

___________________________________________________________________
Faça sua reserva de hotel em Roma por este link e ajude o blog. Por ser um serviço que utilizamos com frequência, temos uma parceria com o Booking e a cada reserva realizada pelos nossos links ou pelo buscador da barra lateral você não paga nada a mais e ajuda a manter o blog.
___________________________________________________________________
O que fiz
Roteiro de 4 dias em Roma

Confesso que meu roteiro foi um pouco errático, acabei passando duas vezes no mesmo lugar, correndo umas horas ou me enrolando para esperar um horário de uma reserva em outras. Então dividi da forma como poderia ter feito para passar para vocês:

Dia 1 – Vaticano e Castel Sant’Angelo

Dia 2 – Basílica di San Pietro in Vincoli, Coliseu, Foro, Palatino, Mercado de Traiano, Musei Capitolini, Boca de la Veritá e Circo Massimo.

Dia 3 – Piazza Navona, Pantheon, Fontana di Trevi, Piazza di Spagna, Piazza del Popolo, Vila e Galeria Borghese.

Dia 4 – Termas di Caracalla, Basilica di San Giovanni in Laterano, Basilica di Santa Maria Maggiori, Santa Maria degli Angeli e dei Martiri, Piazza della Republica, Terme di Diocleziano e Chiesa di Santa Maria della Vitoria.

O que comi

Foi muito sorvete e muita pizza, fora o café com croissant de todas as manhãs. Cada dia experimentei um croissant, sem nada, com nutella, com chocolate, com creme…

Um dos melhores sorvetes foi em um lugar que não é muito caminho para os principais pontos turísticos, mas eu tinha lido num guia de roteiro a pé da Viagem e Turismo. Precisava enrolar um pouco perto de Termini antes de pegar um trem e passei lá, vou até colocar um mapa aqui. Outro que gostei muito, foi ao lado da Fontana di Trevi, comi nas duas vezes que passei por ali.

Roma 04

Roma 05

Roma 06

Roma 07

Roma 08

Roma 09

Roma 10

Roma 11

Roma 12

Roma 13

Roma 14

Roma 15

O que comprei

Muitas lembrancinhas do Vaticano para distribuir na família e mais alguns postais e calendários de obras ou de lugares que não podem ser fotografados, como a Capela Sistina.

Dicas
  • Passes: existe o Roma Pass. Vi que ele só dava entrada grátis e fura-fila em uma atração e em outra dá desconto. Como eu queria fazer o tour no subsolo e no terceiro andar do Coliseu, já fiz a compra de tudo direto no site. Só aí já me pareceu não valer a pena. Caminho muito e me parecia não haver muita necessidade de transporte fora o Vaticano. O próprio museu do Vaticano também não está incluído. Nem fiz muita conta e já saí reservando de comprando tudo o que eu queria com antecedência pela internet. Mas se você souber exatamente onde quer ir e quiser ver como funciona e se vale a pena, veja este post do Roma pra Você.
  • Transporte: como eu disse, caminho bastante, mas mesmo assim utilizei o metrô pelo menos uma vez ao dia para voltar ao hotel ou ir para o Vaticano. Então é bom saber como funciona, indico este post do Vou pra Roma.
  • Ópera: após comprar a entrada para a Santa Ceia do Da Vinci (Milão) no Vivaticket, comecei a receber os emails com shows e eventos na Itália. Resolvi assistir algumas óperas. Em Roma, assisti a dois espetáculos Tributo aos Três Tenores e La Grande Ópera Italiana. Não foram superproduções, com palco, orquestra e figurino. As duas foram na Chiesa di San Paolo Dentro le Mura. O espetáculo é bem simples e informal, em um deles teve uma macarronada antes e no outro um brinde no intervalo. Os cantores eram bons e havia acompanhamento de 3 ou 4 instrumentos musicais. Achei legal para me distrair à noite, já que estava sozinha. Gosto muito de todas as músicas que foram interpretadas e algumas partes eles até incentivavam a plateia a cantar junto, dançar e bater palmas. Bem italiano!

Roma 16

Para continuar a leitura:

Veja também a nossa página-resumo da Itália

Um comentário

  • Pingback: Automobile Blue Book Values Blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *