Como passear sem carro em Miami e South Beach

Este post foi escrito por um casal de amigos que descobriu como passear sem carro em Miami e resolveu compartilhar esta experiência com outras pessoas. Eu, que não dirijo, achei ótimo!! Com a palavra, o Fausto e a Michelly.

Miami Beach

Quando programamos nossa viagem para Miami comecei a pesquisar informações sobre os principais pontos de interesse na cidade. Independente do local indicado, sempre encontrava informações de que era impossível passear em Miami sem alugar um carro.

Como o dólar estava alto e queríamos economizar um pouco, resolvemos quebrar esse paradigma e optamos por passear utilizando o transporte público.

O principal ponto a definir quando você vai estar sem carro é onde você vai se hospedar. O bairro precisa ser seguro para se andar a pé a qualquer horário e ter fácil acesso ao transporte público. Escolhemos ficar em South Beach, no Greenview Hotel (1671 Washington Ave, Miami Beach).

O hotel ficava a meia quadra da Lincoln Road, rua bem conhecida por ser um calçadão e ter várias lojas de marcas bem conhecidas como Gap, Zara, Guess, Swarowski, etc.

Escolher essa localização foi a decisão mais acertada que fizemos, pois a menos de uma quadra de distância do hotel, conseguimos pegar todos os ônibus que precisamos.

Para entender melhor como funciona o transporte público na região:

Utilizamos o EASY CARD que é um bilhete que dá direito a utilização de ônibus, metrô e monorail. Há passes válidos para 1, 7 e 30 dias e podem ser comprados nas máquinas automáticas das estações do metrô. Próximo ao hotel encontramos uma tabacaria que também era ponto de venda: El Pirata – 326 Lincoln Rd, Miami Beach. Vale a pena utilizar esse cartão, sai mais em conta do que pagar todas as passagens separadamente. Se estiver acompanhado, é necessário comprar um bilhete para cada pessoa, pois você não vai conseguir passar o bilhete mais de uma vez no mesmo embarque. Se você não utilizar o cartão, leve dinheiro trocado, pois o pagamento no ônibus é feito em uma máquina automática e que não dá troco.

Para vir do Aeroporto até South Beach e vice-versa a melhor maneira é utilizar a linha 150 – Miami Beach Airport Flyer que sai da estação de Metrorail do Aeroporto. O trajeto dura aproximadamente 50 minutos e custa apenas US$ 3,65. A rota dele está aqui:
http://www.miamidade.gov/transit/library/routes/150.pdf

Utilizar o transporte público não nos impediu de ir a nenhum local que havíamos selecionado, vou listar abaixo alguns locais de interesse, e como chegamos até lá (lembrando que nosso ponto de partida era South Beach):

  • Bayside Market: Utilizamos o ônibus 119 – Route. Embarcamos na 17 St @ Washington Av e descemos na Byscaya Blvd @ NE 5St.

Bayside Market

  • American Airlines Arena: O mesmo ônibus para ir ao Bayside Market, basta descer no ponto anterior Byscaya Blvd@NE 6St, em frente a Freedom Tower.

AA Arena

  • Wynwood walls: Mais uma vez pegamos o ônibus 119, porém dessa vez descemos no Omni Terminal da Adrienne Arsht Center Metromover Station. Do lado de fora do terminal, na rua lateral, pegamos a linha 10 e descemos na NE 2nd Av @ NE 27 st. Após caminhar 4 quadras em direção a NW 2nd Av chegamos em Wynwood Walls.

Wynwood Walls

  • Vizcaya Museum and Gardens: Pegamos o ônibus 120 MAX to Downtonw na Washington Av @ 16 St e descemos no ponto final, próximo a estação Govenment Center do Metrorail. Pegamos a linha Laranja sentido Dadeland South, descemos na Vizcaya Station e andamos 3 quadras até o museu.

Vizcaya (2) Vizcaya

  • Coconut Grove: Aproveitamos o mesmo dia de passeio ao Vizcaya para ir a este lugar, já que ficam próximos. Pegamos novamente o Metrorail, agora na estação Vizcaya e descemos na próxima estação, Coconut Grove. No terminal ao lado da estação pegamos o ônibus 249 e descemos em CocoWalk.

CocoWalk

  • Marlins Park: Mais uma vez pegamos o ônibus 120, mas dessa vez descemos na NE 2nd Av, no ponto da Miami Dade College, próximo a NE 4th St. Atravessamos a praça da faculdade e pegamos o ônibus 7 – Dolphin Mall na NE 1St Av. Descemos na NW 7th St @ NW 15th Av.

Marlins Park

  • Dolphin Mall: Para chegar lá pode ser feito o mesmo caminho para ir ao Marlins Park e descer no ponto final da linha 7. Porém, isso vai demorar mais de duas horas e eu não recomendo por experiência própria, perdemos muito tempo de um dia fazendo isso. Minha recomendação, se você estiver em South Beach, é pegar o ônibus para o aeroporto (150) e de lá usar o transfer do próprio Mall que custa US$ 10 ida e volta. Os horários estão aqui: http://images.taubman.com/www.shopdolphinmall.com/asset/get/70972. Se puder gastar um pouco mais, há transfer saindo de South Beach por US$ 25 ida e volta. Os horários estão aqui: http://images.taubman.com/www.shopdolphinmall.com/asset/get/70971

 

Não é complicado encontrar o ponto de descida, pois o ônibus vai anunciando as paradas no sistema de som e também indicando no painel, exatamente da maneira que coloquei na descrição.

Se optar pelo carro é bom saber que como toda cidade grande, Miami tem regiões trânsito lento nos horários de pico e pagar por estacionamento é caro. Para encontrar uma vaga na rua nem sempre é fácil e é necessário utilizar o parquímetro. Muitos hotéis em South Beach não possuem estacionamento, portanto será necessário pagar estacionamento para pernoite do carro.

A cidade possui também um sistema de Trolley, mas não tivemos a oportunidade de testar.

Apesar de não ser transporte público, utilizamos também o Super Shuttle para irmos do Aeroporto até o Porto de Miami. Assim que solicitamos o serviço de van a uma funcionária no ponto de atendimento, em poucos minutos o carro chegou e mesmo sendo uma van compartilhada (Shared-Ride), fomos sozinhos. Não foi necessário reserva. É possível fazer o trajeto com transporte público também, mas como estávamos com muitas malas, resolvemos optar pelo shuttle. Custou US$ 24 para duas pessoas. Outros trajetos e preços: http://www.miami-airport.com/pdfdoc/TAXI-SUPERSHUTTLE_RATE-MAP.pdf

Próximo ao hotel visitamos o Jardim Botânico e o Memorial do Holocausto (um fica ao lado do outro). Para chegar lá só precisamos andar cinco quadras a partir do hotel. Tem dias que o Jardim está fechado e há uma taxa para entrada.

A duas quadras do hotel também estava a praia e o início da Ocean Drive, famosa pelos seus bares e hotéis badalados. Nessa avenida há várias construções no estilo Art Deco. A liga de preservação de design de Miami promove tours a pé por essas construções: http://www.mdpl.org/tours/guided-walking-tours/
Nós optamos por fazer nosso próprio tour baseado nessa referência: http://travel.nationalgeographic.com/travel/city-guides/miami-walking-tour-1/

Ocean Drive

Para finalizar, a última dica é sobre uma rua badalada, cheia de restaurantes, a Española Way, fica entre a 14 St e a 15 St.

Española Way

Veja também a nossa página-resumo dos Estados Unidos

6 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *