Antelope Canyon e Horseshoe Bend – AZ

Antelope Canyon 00

Desde a primeira foto do Antelope Canyon que vi na internet, fiquei com vontade de visitá-lo. É muito diferente das paisagens que estamos acostumados, parece de outro mundo. Ao vivo é legal e lindo, embora também um pouco muvucado. São muitas pessoas para um espaço tão apertado e todos querendo tirar as melhores fotos, com o melhor ângulo e de preferência sem ninguém atrapalhando. Esta última parte que era o mais difícil…

Antelope Canyon 01

Eu na entrada do canyon

Antelope Canyon 02

A primeira parada para fotos numa área que a passagem ainda é mais larga

Como as fotos nem importam tanto e sim a experiência de ver ao vivo este lugar lindo, vá sim porque vale muito a pena. A nossa guia ia parando de tempos em tempos, mostrando “figuras” nas formações e qual o ângulo certo para tirar a foto para enxergar. Confesso que na hora só vi realmente metade. E agora, 1 ano depois olhando as fotos, não identifiquei nada. Se você achar alguma coisa nas fotos que eu postei, avisa aí nos comentários. 😉

Antelope Canyon 03

Antelope Canyon 04

Antelope Canyon 05

Antelope Canyon 06

Em um dos lugares destas fotos aí acima, ela comentou que pagaram 1 milhão de dólares para um fotógrafo. Eu faço um descontinho… Tirei mais de 200 fotos nestes dias, foi difícil escolher algumas para ilustrar o post e deixar vocês com vontade de visitar.

Antelope Canyon – informações práticas

Eu peguei o horário das 11h, quanto mais perto do meio dia, maior a chance de ter os raios solares entrando e criando estes fachos de luz. O melhor horário varia um pouco conforme as estações do ano, provavelmente é o horário mais caro de visitação. Eu paguei um pouco mais caro por este horário das 11h, mas se você quiser fotos perfeitas, tem um tour para fotógrafos que é mais caro, que é mais restrito e dura 2h. Procurei por agências no google e encontrei algumas poucas. As informações que estou passando, vi nos sites destas duas agências: Navajo Tours e Antelope Canyon Tours. Fiz meu passeio com esta última e recomendo. Reserve o passeio com antecedência pela internet, principalmente em alta temporada ou se você quiser estes horários mais disputados. Pode vir na reserva para ligar para confirmar 24h antes, leia direitinho, confirme qual fuso horário (Arizona não adota o horário de verão, mas os navajos sim). Depois é só chegar na empresa no horário recomendado na confirmação da reserva e pegar o transfer na caçamba de uma caminhonete que chacoalha muito até chegar ao cânion, você também pode comer um pouco de areia no caminho.

Peguei também informações para visitar o Antelope Canyon neste post completinho do Aprendiz de Viajante. Se eu esqueci de falar alguma coisa aqui, certamente você encontra lá.
Antelope Canyon 07

Antelope Canyon 08

Antelope Canyon 09

Outra ponta do canyon

Antelope Canyon 10

No retorno para a caminhonete vimos este “elefante”

Horseshoe Bend

Estava achando que Page tinha só esta maravilha? Tem muito mais, mas por questão de tempo limitado só fizemos uma visitinha em mais um lugar de tirar o fôlego, o Horseshoe Bend. Esta é outra daquelas imagens que você vê na internet e pensa: preciso ir!

Horseshoe Bend 01

Lá no fundo está Page vista do estacionamento do Horseshoe Bend

Horseshoe Bend 02

Caminhadinha do estacionamento até o Horseshoe Bend, não acreditei muito no calor e no sol na cabeça, mas confesso que a sede foi forte.

Horseshoe Bend 03

E aqui está ele lindão, que nem coube inteiro na foto

Horseshoe Bend 04

Pessoal tirando fotos na beira do penhasco. Cuidado ao levar crianças

Horseshoe Bend 05

Outro lado mais vazio

Horseshoe Bend 06

Mais uma foto para mostrar as cor da água do Rio Colorado

Horseshoe Bend 07

E o caminho de volta ao estacionamento… Com a língua para fora

Para continuar a leitura:

Veja também a nossa página-resumo dos Estados Unidos

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *