San Francisco – CA

São (ou San) Francisco é linda!! Super fotogênica! Porém… Não sei se era eu que já estava cansada, ou foi por estar sozinha neste pedaço final da viagem, mas eu me irritei muito com uma coisa. Eu quase enlouqueci por causa do vento!! É muito vento, não sei se peguei uns dias anormais, teve até alerta de pólen, mas eu acho que não, todos pareciam muito tranquilos com aquilo. Me incomodava porque no sol estava uns 25°C, calor e manga curta. Era só virar uma esquina e tudo mudava, um vento gélido e cortante, acho que a sensação caía para uns 15°C. Estava sempre com frio ou com calor e toda escabelada. Levei casacão e lenços, mas o vento entrava por todos os lados, gelava a bochecha e o nariz. Ok, chega de falar do vento. Vamos para as coisas legais da cidade!

 


Clique na imagem acima para abrir o Google Maps


Como Cheguei

De avião pela United, vindo de San Diego. O vôo foi tranquilo e pontual. Fui com a SuperShuttle do aeroporto para a casa que aluguei. Tudo certo na ida e na volta, reservando junto tem desconto no shuttle.

Onde fiquei

Os hotéis bem localizados estavam caríssimos ou tinham avaliações ruins. Procurei no Airbnb e encontrei algumas boas opções, fiquei super na dúvida, mas depois de conversar um pouco com cada dono, optei pelo Private & cozy bedroom + work space, se quiser ver a minha Wish List com as outras opções, clique aqui. A localização do que escolhi era ótima, ia e voltava a pé do Fisherman’s Wharf. Um dos ônibus hop-on hop-off pára bem na esquina. Fica a poucas quadras das áreas de restaurantes da Union e da Chestnut Streets.O que aluguei era um quarto na casa do Zachariah, os apartamentos completos estavam tão caros quanto os hotéis. O quarto era no porão, eu ficava com o porão todo para mim, podia trancar a porta lá em cima na escada. É bem espaçoso, tem mesa, cadeira, cama de casal e desumidificador. O que pode ser um problema para algumas pessoas é o fato de não ter janelas. Eu não me importo e achei ótimo para dormir, escuridão total até durante o dia, se as luzes estiverem apagadas! O Zach ficou bem pouco em casa, mas estava lá para me receber e me deu várias dicas de passeios pelas redondezas. Tem apenas um banheiro e fica no térreo.

Se quiser outras opções de hospedagem em San Francisco, clique aqui.

O que fiz

Dia 1
– Fisherman’s Wharf e Pier 39
– Ônibus Hop On Hop Off com paradas em: Alamo Square, Golden Gate Park e dos dois lados da Golden Gate Bridge
– City Tour Noturno

Dia 2
– Lombard Street e Coit Tower
– Ônibus Hop On Hop Off com paradas em: Asian Art Museum e retorno ao Pier 39.
– Tour Noturno a Alcatraz

Dia 3
– Passeio pela Marina e Fort Mason
– Musée Mécanique

O que comi

Muitas opções por perto: na Union, na Chestnut e no Fisherman’s Wharf. Um dos que gostei no Fisherman’s Wharf é o Boudin Bakery, é uma padaria onde você pode ter “aulas” através de uma vitrine. Todas as vezes que passei na frente, tinha um padeiro fazendo pão e explicando com um microfone, você pode ver e ouvir da calçada mesmo. Dentro tem padaria, lanchonete, bistrô e restaurante. O tal do pãozinho  sourdough é uma delícia, veio de entrada no restaurante. É bem tradicional na cidade, comer uma sopa de frutos do mar que vem dentro de um pão destes, como não sou muito chegada em frutos do mar, não experimentei.

 

Café da manhã na Lombard Street

 

Prato do dia no Asian Museum: coxa de pato

 

Cupcake da American Cupcake

 

Legendary do Hard Rock Café

 

Truta com vagens no Boudin Bakery

Dicas

  • Comprei o passe de Ônibus Hop On Hop Off de 48 horas. Acho que tem umas 3 empresas que tem este serviço, comprei da Big Bus. Gostei do trajeto porque passava em todos os lugares que eu queria conhecer, acho prático também porque já tem o guia que vai explicando tudo e tinha mesmo umas 48h pela cidade. Comprando o ticket de 48h, ganhava o tour noturno que tem um trajeto diferente.

Faz parte do roteiro:

 

Veja também:
___________________________________________________________________
Compre os tickets para as atrações de San Francisco por este link e ajude o blog. Temos uma parceria com o Ticketbar e a cada reserva realizada pelos nossos links você ajuda a manter o blog.
___________________________________________________________________

 

3 comentários

  • Hilberaldi Correia de Lima

    SAN FRANCISCO – A CIDADE MAIS SURPREENDENTE DA CALIFORNIA.
    Ficamos um mês em viagem pela California, e San Francisco sem dúvida, foi a que mais atrações turísticas possui, das cidades que visitamos. Da majestosa Golden Gate Bridge, à hollywoodiana Ilha de Alcatraz. Da famosa Lombard Street ao fantástico Twin Peaks (com vista total da cidade) e Marin Headlands, Os divertidos Pier 39 (com seus leões marinhos) e Fisherman’s Wharf, dos tradicionais Embarcadero e Chinatown, do Transamerica Pyramid, das compras na Market Street e Union Square. Dos parques Yerba Buena, Alamo Square, Crissy Field, Mission Dolores Park e Presidio. Andar de Cable Car e passear pelo Ferry Building. Subir na Coit Tower para ter uma visão 360º da cidade. Conhecer museus como o St. Regis e The Walt Disney Family Museum, entre vários outros que existem na cidade. Participei até de uma corrida a pé de 10Km no Aquatic Park, onde tinha gente de todo o mundo. Tomar um chocolate quente no Ghirardelli Square, uffa, enfim, uma infinidade de pontos turísticos. Essa cidade é realmente um espetáculo, uma semana em SFO para tentar conhecer esses lugares, e muitos outros que não citei, por não ter tido tempo de visitar.

  • Passei por esse incomodo com vento em NY, isso q fui em Maio, sofri tb.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *