Valencia – Parte I

Valencia é uma cidade muito linda e não muito comentada nos blogs de viagens. Fui para lá por insistência do José Luiz que morou lá. E foi bem legal! Apesar de ter ficado apenas 24h na cidade, aproveitei bastante. Neste post conto o que fiz da hora em que cheguei, umas 18h de sábado até o final da noite. No próximo contarei o que fiz no domingo até a hora do trem para Barcelona.
Uma coisa que chamou a atenção em Valencia foi a cordialidade do pessoal do Ponto de Informação Turística e da recepção do hotel. Nos 2 lugares me encheram de mapas, folhetos e revistas. Com muitas dicas e explicações e o melhor: gratuito. Na Estação de Trens, quase perdi o ônibus para a outra Estação de tanta informação que o atendente me passou. Em Madri e Barcelona, é meio self-service, pegue o folder que quiser, e os melhores mapas de Barcelona ainda eram pagos.

 

Valencia

 


Clique na imagem acima para abrir o Google Maps

Como Cheguei

Passei o sábado em Cuenca e de lá peguei um trem para Valencia, a viagem dura 1 hora no trem rápido (AVE). Os trens rápidos chegam na Valencia JS (Joaquín Sorolla) que é interligada a Valencia Nord por um serviço de ônibus gratuito que passa a cada 10 minutos. Para voltar você também pode pegar este ônibus. Meu hotel era mais perto da Nord e fui a pé.

Onde Fiquei

No Hostal Venecia, muito lindinho, deu vontade de ficar mais noites! Reservei pelo Hoteis.com que estava mais barato que o Booking, é sempre bom comparar. Apesar do prédio antigo, os quartos são ótimos, a recepção e áreas comuns também. Tem wi-fi gratuito, porém não tem café da manhã, comi numa lanchonete na esquina. A localização é a melhor possível, fica na Plaza del Ayuntamiento e a 300m da Estação de Trens Nord.

 

 

Olha que lindinho o prédio do Hostal

 

 

O que fiz

Depois de ter caminhado umas 5h em Cuenca, caminhei mais quase 10km em Valencia!! Só no final de tarde de sábado. Insana, recomendo pegar um ônibus, pelo menos para voltar. Saí do hotel e fui caminhando pelo Jardim del Turia até a CAC (Cidade das Artes e das Ciências).

A – Hostal e Plaza del Ayuntamiento
B – Puerta del Mar
C – Jardín del Turia
D – Palacio de la Musica de Valencia
E – CAC
F – Mercado Colón
G – Plaza del Ayuntamiento

Puerta del Mar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Palacio de la Musica de Valencia

 

Mercado Colón

 

Mercado Colón

O que comi

Jantei no sábado no Mercado Colón, na Cafeteria Hojalata. Procurei uma Paella Valenciana, mas não encontrei, escolhi esta Hojalata porque estava indicada no mapa. Maior furada, foi a refeição mais cara e mais sem gosto da viagem inteira… Não recomendo. O atendimento também foi péssimo.
Entrada: alcachofras sem sal. A melhor parte foi o pão com tomate

 

Comida sem sal e sem tempero, só estava bonita.
No domingo almocei na Plaza de la Reina, existem vários restaurantes em volta. Escolhi o Pico Fino, bonitinho, com menu a $12,50 onde tinha Paella Valenciana como opção de primeiro prato, bem o que eu estava procurando! Ainda acompanhava o segundo prato, vinho e pão.
A “pequena” entrada: deliciosa!!!

 

Prato principal: huevos rotos com papas e jamón: delícia também!!

 

Olha que bonitinho o balcão, eu ficava olhando a cozinheira escolhendo os ingredientes.

O que comprei

Não comprei nem um imã de geladeira!! Cheguei no sábado à tarde e já saí para caminhar, nem quis perder tempo com lojas. Do lado do hotel tinha uma banca de revistas com souvenirs, deixei para olhar no dia seguinte e estava fechada, pois era domingo. Fiquei sem lembrancinhas de Valencia. Quanto a lojas grandes, tem as mesmas do resto da Espanha, passei por todas elas nas minhas caminhadas pelo Centro.

 

Meus comprovantes de trem e ônibus e mapas

Dicas

  • Peguei as dicas de Valencia no blog Viver a Viagem.

 

Um comentário

  • Que bom que a minha insistência deu certo e que a cidade não te decepcionou!!

    Mas também, a cidade já é linda e ainda com um céu lindo desses… fica difícil não gostar!! 😀

    Bjos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *